Importância da produção de conteúdo para o SEO

  • 24 de maio de 2019
No Comments
Produção de conteúdo destaque

Veja a tabela periódica de SEO completa no fim do post, com produção de conteúdo, on-page e off-page

Para oferecer um processo otimizado e eficiente, a Gear SEO conta com três vertentes, que podem ser observadas de forma completa em nossa tabela periódica de SEO. E um dos pontos abordados por nós é a produção de conteúdo, que será ainda mais desmembrada nesta publicação a partir de 5 tópicos gerais.

Isso significa que as cinco categorias abaixo são importantes para que, juntas, constituam um conteúdo de qualidade. Confira abaixo cada ponto, sua descrição e uma explicação completa para cada item da seção de conteúdo da tabela periódica. Vale destacar que, cada subitem possui uma determinada importância ou relevância, sendo negativa ou positiva e classificada aqui de -3 até +3.

Qualidade

Qo: ortografia +3
Qt: apelo +2
Qd: distribuição +2
Qc: coesão +2
Qi: coerência +2
Qa: campo semântico +2
Ql: linguagem +1
Qv: validação +1
Qg: originalidade + 1
Qr: respostas +1
Qs: superficialidade -1
Qo: Os textos estão bem escritos e são capazes de manter a atenção do leitor?
Qt: O título e a estrutura do conteúdo possuem apelo de leitura?
Qd: A palavra-chave está distribuída ao longo do texto?
Qc: O conteúdo escrito possui começo, meio e fim?
Qi: O que está escrito na página faz sentido para o que o leitor procura?
Qa: Os campos semânticos das palavras-chave também são utilizados?
Ql: A linguagem utilizada é adequada ao público-alvo/persona?
Qv: O conteúdo é revisado e validado?
Qg: O conteúdo produzido é único, ou seja, original e interessante?
Qr: O público encontra respostas para suas perguntas?
Qs: O conteúdo é completo?

Qo: Os textos estão bem escritos e são capazes de manter a atenção do leitor?

O principal objetivo da produção de conteúdo de um texto de SEO é manter a atenção dos visitantes e fazer com que eles o compartilhem. A ortografia correta pode transparecer credibilidade e atrair a confiança dos leitores. Esta é a base para o sucesso de qualquer site e, consequentemente, da marca.

Qt: O título e a estrutura do conteúdo possuem apelo de leitura?

Naturalmente, existem temas que possuem um apelo muito maior e chamam mais a atenção dos leitores. É interessante definir práticas que podem ser usadas com antecedência. Temas como “os 10 melhores” ou “os 10 piores”, por exemplo, são tópicos de bastante sucesso e, geralmente, são capazes de atrair mais leitores. Preparamos um material completo com os principais tipos de temas e estruturas que poderão ser utilizados.

Qd: A palavra-chave está distribuída ao longo do texto?

Na produção de conteúdo, uma palavra-chave é essencial para deixar um site bem posicionado. Mas, inserir várias vezes em um curto espaço do texto pode ser prejudicial. Por isso, é importante não exagerar no uso destas palavras-chave e distribuí-las ao longo do conteúdo, deixando ele fluído e mais fácil para o entendimento do leitor.

Qc: O conteúdo escrito possui começo, meio e fim?

Seguir uma linha de raciocínio é essencial para que o leitor compreenda tudo o que está na página. Um texto que possui começo, meio e fim pode garantir mais tempo de permanência no site e, assim, mais cliques em outros conteúdos. Será criada, então, uma relação com o visitante e o índice de “conversão em vendas”, provavelmente, se tornará mais positivo.

Qi: O que está escrito na página faz sentido para o que o leitor procura?

Um texto com coerência certamente receberá mais atenção dentro da produção de conteúdo. Quando bem escritos, estes materiais possuem o poder gerar interesse do visitante em um todo. Consequentemente, que consuma mais conteúdo dentro dele, se tornando um “cliente fiel”. Por isso, um texto fluido e organizado é ideal.

Qa: Os campos semânticos das palavras-chave também são utilizados?

A utilização do campo semântico para as palavras-chave torna o texto mais fluido e aumenta a qualidade do conteúdo. Ao invés de citar uma palavra-chave, como por exemplo, “cachorro”, diversas vezes ao longo de um determinado conteúdo, é válido colocar termos relacionados, como, “melhor amigo do homem”, ampliando ainda mais a relevância. Os buscadores são inteligentes o suficiente para entenderem e interpretarem todas elas e ajudar o leitor.

Ql: A linguagem utilizada é adequada ao público-alvo/persona?

Criar uma persona, ou seja, uma imagem fictícia do possível cliente, é imprescindível para o sucesso na produção de conteúdo e no marketing digital, em geral. Identificar um membro pertencente ao público-alvo e utilizar linguagens voltadas a ele deve criar uma importante sensação de que o texto é individualizado e está direcionado àquele leitor.

Qv: O conteúdo é revisado e validado?

A revisão e validação do trabalho é imprescindível para garantir um controle de qualidade e um processo de conformidade aceitável. Desta forma, todos os conteúdos devem ser revisados e validados, sempre com o objetivo de garantir que os materiais estejam impecáveis e capazes de agradar os leitores.

Qg: O conteúdo produzido é único, ou seja, original e interessante?

Existem milhões de textos que refletem diversos assuntos na internet. Por isso, é válido pensar em como se destacar dentre todos eles. Para alcançar este objetivo, é indicado produzir um material diferente e, se possível, inédito. Desta forma, um nicho de pessoas que ainda não encontrou o que procura na rede deve se interessar pelo conteúdo exposto e também pelo site, gerando um público cada vez maior. Uma boa ideia é buscar referências além da internet: livros, enciclopédias, entrevistas, revistas e jornais são fontes de informação de qualidade e podem servir de base para a criação de um conteúdo relevante e original.

Qr: O público encontra respostas para as suas perguntas?

No mundo digital, a internet é o primeiro lugar que muitas pessoas procuram para resolver suas dúvidas. Desta forma, é muito importante se diferenciar da concorrência e oferecer o maior número de respostas para estas perguntas. Este processo possibilita credibilidade e também a confiança dos visitantes. Prova de tudo isso é que, há alguns anos, o Google lançou uma atualização do seu algoritmo de busca, apelidada de “Humming Bird”. Esta mudança teve como objetivo aumentar ainda mais a relevância de buscas relacionadas diretamente a perguntas.

Qs: O conteúdo é completo?

Evitar a superficialidade é um ponto importante na construção de textos. Isso porque quando este leitor encontra algo completo e que atenda ao que ele busca, certamente vai retornar e consultar o site novamente. Neste contexto, o Google, em especial, têm sido bastante criterioso com relação ao tamanho do que é escrito, justamente pelo fato de associar essa característica com qualidade. Apesar disso, evite parafrasear e se alongar em tópicos que não necessitam tanta complexidade.

Estrutura

El: legibilidade +3
Eb: buscadores +2
Em: multimídia +2
Er: recursos +1
Ep: posicionamento +1
Et: tamanho -1
El: O texto possui uma estrutura agradável para o leitor?
Eb: As páginas são recomendadas e válidas para as ferramentas de buscas?
Em: São utilizados vídeos, infográficos e outros materiais interativos no site?
Er: O conteúdo produzido possui termos em negrito ou itálico?
Ep: O conteúdo está bem posicionado na página?
Et: O tamanho da fonte é adequado?

El: O texto possui uma estrutura agradável para o leitor?

A legibilidade de um texto é, potencialmente, o que vai fazer o leitor visualizar um conteúdo até o final. Um material que não transparece confiança e credibilidade certamente deve ser abandonado após algumas linhas, o que pode ser extremamente prejudicial ao site. Por isso, apostar em uma boa estrutura é a mola propulsora para a uma boa publicação. Em geral, estruturas de conteúdo com subtítulos e quatro ou cinco linhas favorecem bastante a organização e a leitura por meio de dispositivos móveis.

Eb: As páginas são recomendadas e válidas para as ferramentas de buscas?

Fazer a melhor produção de conteúdo possível não vai adiantar muito se pouquíssimas pessoas o verem. Neste contexto, se torna mais eficaz utilizar palavras que de fato são procuradas e encontradas pelas ferramentas de buscas. Desta forma, apostar, mesmo dentro do texto, em palavras com um volume de buscas alto é muito válido. Por exemplo, utilizar “celulares” ao longo do conteúdo certamente será mais eficiente do que “aparelhos móveis”.

Em: São utilizados vídeos, infográficos e outros materiais interativos no site?

Utilizar materiais interativos é um recurso muito interessante. Ninguém gosta de ler grandes trechos de textos sem visualizar ao menos uma imagem ou vídeo. Interagir com o leitor pode quebrar o ritmo maçante de uma grande leitura e fazer o visitante entender o material de outra forma. Sem contar que a utilização de elementos visuais dentro de um conteúdo aumenta ainda mais o tempo de permanência em uma página. Além de tudo isso, estas páginas interativas geralmente são compartilhadas nas redes sociais por muitos que entram no site.

Er: O conteúdo produzido possui termos em negrito ou itálico?

Termos em negrito ou itálico não possuem uma relevância forte para o trabalho de SEO em si, mas ajudam a orientar o leitor sobre os principais pontos dentro de um texto. A utilização de termos em outro idioma também são recomendadas dependendo do conteúdo ou do tema em questão.

Ep: O conteúdo está bem posicionado na página?

Em geral, todos os conteúdos que são posicionados no início ou na primeira visualização de uma página possuem mais relevância que um conteúdo que está no rodapé ou que está posicionando no final da lista de produtos. Os buscadores sabem disso e utilizam essa informação como fator de posicionamento das páginas nos resultados das buscas.

Et: O tamanho da fonte é adequado?

A utilização de tamanhos de fontes favoráveis para a leitura é importante porque define a relevância do conteúdo publicado. Em geral, textos com fontes pequenas são interpretados como pouco importantes para os buscadores e classificados como conteúdos de rodapé ou conteúdos informativos. Sem contar que conteúdos com fontes pequenas não são bem aceitos para a visualização nos dispositivos móveis, tornando-os pouco interessante e aumentando a taxa de rejeição do site.

Atualização

An: novidades +2
Af: frequência +2
At: tendências +1
Ae: links +1
An: Conteúdos são postados no site?
Af: Estes textos são acrescentados com qual frequência?
At: Os conteúdos são notícias recentes ou questões mais antigas?
Ae: Os conteúdos possuem referências externas ou referências para outros conteúdos do site?

An: Conteúdos são postados no site?

Um dos principais motivos que fazem os visitantes retornarem a qualquer site são as novidades postadas a partir da produção de conteúdo. Ninguém vai se lembrar de portais que estão abandonados e não possuem textos mais recentes. Desta forma, uma dica importante é nunca se esquecer de oferecer aos leitores novos materiais.

Af: Estes textos são acrescentados com qual frequência?

Colocar diversos textos em uma semana e depois se esquecer de acrescentar conteúdo ao site não é o suficiente. Ou seja, é preciso criar uma frequência para abastecer o portal. Fazer isso possibilita a interação com seu público e serve para que todos saibam quando será disponibilizado um novo material.

At: Os conteúdos são notícias recentes ou questões mais antigas?

Dentro de um site, é possível postar notícias quentes, que aconteceram há pouco tempo, e matérias mais frias, que remetem a assuntos que não são tão recentes. Não existe uma preferência em relação a quais desses utilizar, porque depende do segmento do site. Apesar disso, se for possível variar, é algo positivo e que agrega valor ao portal.

Ae: Os conteúdos possuem referências externas ou referências para outros conteúdos do site?

A utilização de links internos ou links externos ao longo do conteúdo é importante para dar continuidade na leitura dentro da produção de conteúdo. Os que direcionam para os conteúdos do próprio site devem servir para reforçar o tema. Enquanto os que levam para outro lugar na internet, devem ter como objetivo a validação de algum dado ou fato do conteúdo, por meio de fontes especializadas. Por exemplo, um conteúdo do mercado financeiro geralmente utilizará referências externas para apoiar os números ou fatos veiculados.

Linha de interação

Lp: permanência +3
Ln: navegação +3
Lv: visualização +2
Lb: publicidade -1                                                                                                                                                                                                                                                  Lp: Os visitantes permanecem um tempo razoável no site?
Ln: As pessoas que visitam o site costumam avançar para outras páginas?
Lv: O seu conteúdo é popular nas redes sociais?
Lu: As publicidades atrapalham o público?

Lp: Os visitantes permanecem um tempo razoável no site?

Avaliar quanto tempo um leitor comum passa no site é de extrema importância. Esta análise permite concluir se os conteúdos produzidos são positivos ou não, ou seja, se eles estão sendo agradáveis da forma esperada. Isso porque, se alguém permanece um tempo aceitável naquela página, é porque leu todo o material disponibilizado e não abandonou o texto no meio, o que indicaria que as coisas estão indo bem. Uma ferramenta chamada Heat Map tool pode ser bastante útil neste momento de avaliar o que o visitante está fazendo no site e como está sendo sua experiência.

Ln: As pessoas que visitam o site costumam avançar por outras páginas?

Além da entrada e permanência no texto, é interessante que os leitores avancem por outras páginas e aproveitem a experiência da produção de conteúdo como um todo. Esta navegação demonstra que o site possui qualidade e, por isso, o visitante decidiu seguir por outros conteúdos daquele local. Esse interesse por materiais distintos possibilita a criação de um público fiel e que tem o costume de consultar uma variedade de tópicos dentro do site.

Lv: O seu conteúdo é popular nas redes?

A quantidade total de visitantes gerado possui uma importância considerável. Nem sempre quantidade é sinônimo de qualidade, mas este dado pode ser extremamente válido para medir o sucesso de um portal. Isso porque o número absoluto de pessoas que navegam por um local pode revelar se este consegue atingir grandes massas de interessados.

Iu: As publicidades dentro do site atrapalham a navegação do visitante?

Muitas vezes os visitantes se sentem incomodados com o excesso de propagandas em um site. E isso é muito desagradável, já que um anúncio um pouco mais invasivo pode afastar o possível público e criar uma taxa de rejeição alta. Por isso, é essencial balancear o número de anúncios e a qualidade do tráfego, evitando páginas visualmente desagradáveis. Conteúdos relacionados com anúncios que não diretamente ligados com o segmento da empresa também costumam afastar essas pessoas das páginas.

Keywords

Kb: buscas +3
Ke: tendência +2
Kt: head tail ou long tail 0
Kv: volume -2
Kb: Quais são as pesquisas do público nas ferramentas de buscas?
Ke: Existe uma tendência de crescimento para a palavra-chave?
Kt: As palavras-chave são genéricas ou específicas?
Kv: A palavra-chave tem um volume de busca alto?

Kb: Quais são as pesquisas do público nas ferramentas de busca?

Antes do planejamento de quais textos serão produzidos, é válido analisar as palavras-chave que o público-alvo costuma pesquisar nas ferramentas de busca. Esse estudo permite que as melhores opções de temas sejam escolhidos, ou seja, os que respondem da melhor forma às dúvidas do leitor. Além disso, este processo também é capaz de fornecer ao visitante um conteúdo mais individualizado e direcionado.

Ke: Existe uma tendência de crescimento para a palavra-chave?

Alguns termos de buscas são muito novos, sendo difícil identificar algum volume de busca significativo para eles. Por isso, o Google criou a ferramenta “Google Trends”, que possui como objetivo identificar palavras-chave e temas que, dentro dos buscadores, serão tendências em breve. Isso geralmente ocorre com lançamentos de filmes e grandes eventos, por exemplo. Experimente pesquisar “Copa do Mundo” nessa ferramenta e observe o resultado.

Kt: As palavras-chave são genéricas ou específicas?

Dentro da produção de conteúdo, as palavras-chave podem ser do tipo head tail, ou seja, genéricas, e do tipo long tail, um pouco mais específicas. O primeiro caso é indicado para conteúdos mais recentes, que muitas pessoas ainda estão procurando nos motores de busca, como por exemplo, notícias. Já o segundo caso, é utilizado para textos atemporais. Ou seja, os que são procurados por um menor número de pessoas, mas que podem oferecer uma resposta mais aprofundada para a pergunta do visitante. Este último caso geralmente é o mais vantajoso, já que é possível atrair um grupo de pessoas que busca respostas que ainda não existem na internet.

Kv: A palavra-chave tem um volume de busca alto?

Para obter bons resultados na produção de conteúdo, é importante analisar se sua palavra-chave possui um volume de busca interessante. Desta forma, não adianta escrever um texto com uma ótima qualidade, mas que não é muito procurado nas ferramentas de busca. Publicar um texto deste não deve trazer resultados e, consequentemente, não será positivo para o site. Ferramentas como o SEMRush podem auxiliar nessa pesquisa, trazendo o volume de palavras-chave e também alguns termos relacionadas ao tema.

E aí, curtiu? Confira agora a tabela periódica completa da Gear SEO!

Tabela periódica de SEO

Tabela periódica de SEO

Além da produção de conteúdo, nós destrinchamos também as áreas de on-page e off-page, que também são muito importantes para o sucesso do SEO em qualquer site.

Sobre o Guia de SEO

Aqui você encontrar um pouco de tudo sobre SEO, Marketing de Conteúdo, Redes Sociais e todo o Universo de Marketing Digital

Análise de SEO Grátis

Cadastre-se e enviaremos para você uma análise gratuita dos aspectos básicos de SEO no seu site com dicas rápidas.

Receba as Novidades no Email

Campos com * são necessários
Entre em contato conosco, faça um orçamento e tenha ajudaremos você a alavancar as suas visitas.

Mais artigos sobre SEO

Veja todos os Artigos
No Comments
     

    Deixe um Comentário