Agências de marketing digital são de fato 100% SEO?

  • 6 de dezembro de 2017
No Comments

Existe uma expressão bastante popular aplicada em quases todas as situações que diz: “a diferença está nos detalhes”. Essa expressão pode significar que a diferença pode ser melhor ou pior, porém, os detalhes são uma constante em todas as situações. Com o marketing digital não pode ser diferente, são todos os detalhes entre o produto, processos e pessoas que fazem a diferença, ainda mais nos dias de hoje no qual cada centavo é disputado e mensurado em uma campanha.

Ainda no contexto do marketing digital, quanto mais detalhado for a análise, o processo e a execução do trabalho para cada canal de aquisição, melhor será o desempenho. Em termos de SEO, esse cenário fica ainda mais decisivo por conta de vários fatores que não são ligados diretamente à automatização de uma campanha ou ao retorno do investimento. E isso fica ainda mais explícito quando analisamos uma equipe internalizada na empresa, uma agência de marketing full service e uma agência focada exclusivamente em SEO.

Alguns dos exemplos abaixo são situações que profissionais que trabalham diretamente com SEO ou até mesmo outros canais de aquisição já se depararam e, provavelmente, abriram mão de solucioná-las por conta dos “detalhes”.

Situação 1: Processos Internos

Existem ferramentas específicas para o trabalho de SEO e você precisa comprá-las. De imediato, solicita a compra dessas ferramentas ao departamento financeiro e, provavelmente, receberá respostas como:

  • Precisamos de três orçamentos diferentes para aprovar a compra;
  • Precisamos da autorização para o pagamento com cartão de crédito;
  • Não podemos ter PayPal para pagamentos;
  • É preciso pedir permissão ao presidente da empresa.

Em seguida, você terá que explicar a finalidade da ferramenta para pessoas de vários departamentos diferentes e, no final das contas, ou a compra não será aprovada ou levará, no mínimo, três meses para aprovarem. Quando, enfim, aprovam, o financeiro pede a nota fiscal da ferramenta, e aí, constatam que a ferramenta só emite invoice. Novamente, você está em outro impasse.

Situação 2: Pagamentos

Depois de muito esforço, você enfim consegue um acordo com a publicação de um guest post (atire a primeira pedra que não faz!) no site que estava negociando há meses e pagará um preço praticamente simbólico pela publicação do conteúdo. Então, produz e encaminha o conteúdo ao site parceiro, e envia os dados e a nota fiscal (quando tem) para o pagamento. Seu chefe diz que o valor é muito alto e não poderá dar continuidade. Mesmo assim, você consegue convencê-lo e envia para o financeiro pagar.

Como qualquer outro departamento financeiro que atende vários setores, pedirão 30, quando não, 60 dias de prazo para o pagamento do parceiro. Você precisa fazer a publicação do link, mas o acordo com o parceiro é publicar o conteúdo somente quando o pagamento for feito, afinal, você conseguiu um superacordo com ele e nada mais justo. Só que aí, acaba que o parceiro não pode esperar esse prazo e você, fatalmente, acabará sem publicar o seu conteúdo. Imagina, ter que passar por esse longo processo toda vez que conseguir diversos acordos vantajosos?

Situação 3: Orçamento para SEO

O cliente define um orçamento com a agência, porém, os resultados devem ser entregues em curto prazo para justificar os argumentos que a equipe comercial acordou com o cliente para deixar a agência anterior. Imediatamente, os canais pagos recebem quase toda a verba necessária para os próximos meses mas, mesmo assim, a parte de SEO também tem que estar presente nas atividades, afinal, a agência vendeu como um dos principais canais de aquisição e foi firmado em contrato.

Então, o analista de SEO define as palavras-chave e toda a estratégia de SEO, porém, precisará produzir a quantidade de conteúdo que foi acordada no contrato com base nesse orçamento mínimo. A equipe de produção de conteúdo (quando há uma) não é suficiente para produzir o material em um determinado período e, então, recorre aos freelancers ou portais de conteúdo para compor a produção. Se a agência já tiver uma plataforma de conteúdo parceira, será ótimo pois evitará cair nas situações com o financeiro citadas acima em relação a pagamentos, aprovações, etc.

Os conteúdos serão produzidos por diferentes freelancers com base em um briefing (quando há) e, provavelmente, a agência terá que revisá-los (quando há revisão) e garantir que a comunicação de todos eles estão uniformes. Porém, muitas vezes, essa tarefa acaba sendo executada pelo analista de SEO, ou ainda, pela equipe de comunicação ou branding, que corrigirá todo o material, eliminando somente o que não é necessário para eles: a otimização e o trabalho de SEO que foi aplicado no conteúdo.

Situação 4: SEO e prioridades de desenvolvimento

Você lista todas as ações necessárias para o trabalho de SEO On-page com o cliente. Porém, ele não tem uma fila de desenvolvimento específica para as tarefas de SEO, e você acaba tendo que concorrer com todas as outras tarefas da empresa toda. Por questões contratuais, você não pode participar das reuniões de priorização de tarefas de desenvolvimento e fica torcendo para nenhuma outra tarefa mais urgente entrar na fila e suas tarefas se transformarem em “eternos tickets”.

Quando a cobrança por resultados aparecem, automaticamente, entra em cena a caça aos culpados das tarefas de SEO não terem sido resolvidas há 6 meses.

As situações acima são exemplos reais e que existem até os dias de hoje. Consequentemente, os resultados de médio e longo prazo de SEO vão deixando de acontecer por conta dos “detalhes” que são deixados de lado. Em um determinado momento, o analista ou a equipe de SEO percebem que estão remando sozinhos contra a maré e que, infelizmente, o barco acabará afundando.

Com a Gear SEO, uma agência focada exclusivamente em SEO,focamos 100% na proximidade com os clientes, e as chances desses “detalhes” passarem despercebidos são praticamente nulas, justamente por conta da experiência e vivência com os processos e as demandas que são necessárias para o desenvolvimento satisfatório do canal de aquisição. Todos os departamentos estão integrados e há processos definidos para SEO On-Page, Produção de conteúdo e Link Building.

E você, já passou por alguma situação parecida com as mencionadas acima? Comente conosco!

Agencia MKT Digital

 

Experiência em utilização de KPI’s como CAC e ROI para campanhas de Performance e utilização de análise RFM (Recency, frequency and monetary) e Lifetime Value para campanhas de retenção.

Sobre o Guia de SEO

Aqui você encontrar um pouco de tudo sobre SEO, Marketing de Conteúdo, Redes Sociais e todo o Universo de Marketing Digital

Análise de SEO Grátis

Cadastre-se e enviaremos para você uma análise gratuita dos aspectos básicos de SEO no seu site com dicas rápidas.

Receba as Novidades no Email

Campos com * são necessários
Entre em contato conosco, faça um orçamento e tenha ajudaremos você a alavancar as suas visitas.

Mais artigos sobre SEO

Veja todos os Artigos
No Comments
     

    Deixe um Comentário