Glossário de SEO

Conteúdo

Podemos dizer que o trabalho de SEO completo se divide em três pilares: análise On-Page, produção de conteúdo e Link Building. No entanto, é fato que o segundo possui um peso enorme para adquirir os resultados desejados. Afinal, não há Link Building sem o conteúdo, da mesma maneira que não há indexação de palavras-chave.

 

Qual o papel do conteúdo no SEO?

A produção de conteúdo em um trabalho de SEO começa bem antes do início da escrita dos textos. Para eles poderem ser feitos, é necessário realizar um extenso processo de seleção de palavras-chave. Feito isso, define-se as pautas, o campo semântico, os links internos e toda a parte final de SEO que deve ser feita antes da produção.

 

Todos esses fatores citados são essenciais para uma boa produção de conteúdo. Tendo as pautas definidas, é mais propício para o redator redigir um texto de qualidade e escaneabilidade — determinantes para uma boa otimização de SEO.

 

No entanto, o conteúdo não é só um monte de estratégias juntas em um texto. É ele quem ajudará o leitor a, por exemplo, resolver alguma dúvida, ou mesmo fornecer informações sobre algum assunto de interesse do usuário. Não necessariamente ele precisará falar do cliente em questão. Isso é algo a se alinhar com a proposta do trabalho.

 

Por exemplo: caso seja determinado que o conteúdo será direcionado para os usuários de topo de funil, a empresa, em momento algum, será citada ao longo do texto. Porém, caso o alvo seja o fundo do funil, em certo ponto do texto será demonstrado o cliente para convencer o leitor a contratar o seu serviço.

 

No geral, o conteúdo possui o papel de ser, de alguma forma, útil para quem o lê. Essa é a premissa desse pilar do SEO.

 

Quais boa práticas a se tomar na produção de conteúdo?

Um conteúdo otimizado, com certeza, trará muito mais resultado para o cliente do que algum outro texto que não siga as boas práticas do SEO. Além de obter melhores resultados com o Google, essas técnicas ajudam a melhorar ainda mais a experiência do usuário com o site/blog em questão.

 

Escrever parágrafos curtos, por exemplo, é uma boa prática que acaba fazendo muita diferença para tornar o texto mais agradável para o leitor. Ler longas frase e parágrafos extensos pode ser muito cansativo para os usuários da internet — que, cada vez mais, disponibilizam menos tempo diário para ler notícias ou posts.

 

Um conteúdo muito longo e cansativo dificilmente chamará atenção, e, como consequência, é provável que ele não seja muito compartilhado. Além disso, evitar plágios de sites na internet é essencial. O Google é capaz de detectar cópias, e, quando o faz, despenca — e muito — o ranqueamento da página em questão.

 

Talvez o ponto mais importante seja a utilidade do texto produzido. Todo assunto possui um público interessado — ou seja, todo conteúdo pode ser útil. No entanto, é necessário uma pesquisa correta das informações, a fim de garantir que o leitor se satisfaça com a leitura.

Veja aqui dos termos mais buscados em Marketing Digital e SEO com separados em ordem alfabética.

 

Glossário de SEO

A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z